The Bearzerker

Apesar de ter desistido do InkTuber, não ia ficar sem desenhar. Então pus me a fuçar meus antigos sketchbooks em busca de inspiração. E foi no meu primeiro Moleco que achei o tema do meu desenho.

A história de Ivan, o Bearzerker

Então que lá em 2009 eu tinha a ideia de um personagem que consistia num werebear militar soviético chamado Ivan (eu confesso que adoro esse nome. Simples, curto e forte, ainda mais se você disser forçando um sotaque russo). Além disso, ele usaria DUAS miniguns (arma imortalizada pelo sargento Blain Cooper, interpretado pelo ex-wrestler Jesse Ventura no filme Predador).

the-bearzerker
Primeiro desenho do Bearzerker, num momento zen, no meu Moleco de 2009. Feito com caneta bic.

E pensar que anos depois os russos fariam um filme de super-heróis com um werebear militar com uma minigun*. Pelos menos ele não se chama Ivan. :/

Ivan Bearzerker está morto, longa vida ao agente BZK

Bom, para evitar maiores comparações, resolvi mudar um pouco a origem do personagem. Continua o background militar e especialista em armas pesadas. Trabalhou durante muitos anos como agente independente, com o codinome de BZK. Atualmente aposentado.

Não mudei muito o visual dele nessa nova versão – apenas detalhei um pouco mais as miniguns (só pra constar, que coisa chata de desenhar, rsrsr). O resultado foi esse:

the-bearzerker-2016
Versão de 2016 do Bearzerker Agente BZK. Materiais usados: Marcadores Copics e Simuart, Tombow preta e Uniball gel branca.

Estou pensando seriamente em fazer um revival de desenhos antigos, o que acham?

(*)ps: Caso não tenham percebido, eu tava falando desse filme aqui, Guardians:

Quase InkTober – Fome…

Eu ia colocar essa ilustração como parte do InkTober 2016, mas como estou MUIIIITO atrasado com desenhos, não acho que valha a pena incluí-la.

Ela começou durante um bate-papo online com o meu amigo James Figueiredo, onde resolvi relaxar rabiscando coisas enquanto ele trabalha numa hq que ele está desenhando. O legal é que nem fiz esboço, fui direto na caneta. Então o rabisco foi tomando proporção e saiu isso aqui:

quase-inktober-fome
Nem todos os ursos são fofinhos…

Nessa arte usei uma caneta Tombow preta junto com marcadores Sinoart, Uniball gel branca e Finecolour preta.

Rabiscos de Junho 7 – B&P- Werepandas

Se werebears são legais, werepandas são mais legais ainda.

Desde que pensei em criar vantagens e desvantagens para o Barrigas & Pelos, uma coisa que seria certa era do personagem poder ser um licantropo, até porque  é o meu tipo de criatura favorita num rpg.

Resumindo, essa vantagem permite você se transformar num homem-fera. No caso do cenário do Barrigas & Pelos, os mais comuns são os Werebears (odeio o termo ursomem ou homem-urso) e Lobisomens. Mas então eu pensei: e se o jogador quisesse fazer um  chubby, oriental, monge e werebear? A única coisa que me veio a mente foram: werepandas!

Você deve estar se perguntando: mas se o personagem for um oriental monge werepanda, não ficaria muito parecido – senão igual – ao Po, do Kung-fu Panda ou aos Pandarens de World of Warcraft?

Sim, ficaria. E daí?

Todo esse texto sobre werepandas foi só uma desculpa para mais um desenho. Na verdade, o último do meu sketchbook. Parece que foi ontem que comecei a desenhar nele. Como o tempo passa rápido quando estamos nos divertindo, não é mesmo?

Mas chega de papo e vamos ao desenho:

monge_panda_by_marco_bym_junho

Monge e Licantropo: quão apelões os werepandas podem ser?

Desenhando Werebears…

Um dos meus RPGs favoritos de todos os tempos é o Lobisomem – o Apocalipse, da White Wolf. Em parte pelo universo interessante da ambientação, de parecer um jogo mais cooperativo do que seu irmão mais velho, Vampiro – a Máscara, pelo ar mais “Coração Valente”, mais super-heróiesco…

Continuar lendo Desenhando Werebears…